Um Dia Após o Outro!

Mudanças

Olá a todos!
O blog está passando por reformulações. Um pouco por vez para ficar mais bonito, funcional e clean! rsrs

quarta-feira, 27 de julho de 2016

Resenha: O Descompasso Infinito do Coração - Batidas Perdidas #2 (Bianca Briones)

No "O Descompasso Infinito do Coração", Bianca trás um novo casal: Clara e Bernardo.
Eles são conhecidos, já que estão presentes nos dois primeiros livros. 
Bernardo é o melhor amigo de Viviane e Rafael morre de ciúmes dele. Mas não é Viviane que tem o coração de Bernardo: é Clara. 
Clara está sempre disposta a ajudar seus amigos, mas não se ajuda. Ela precisa se separar para começar cuidar de si. E é aí que Bernardo entra, para ajudá-la a se reencontrar.
Mas será que eles vão se entender?

Logo terá mais uma resenha da Série. Fique de olho.

O Descompasso Infinito do Coração (Batidas Perdidas #2)
Clara acaba de descobrir a traição do marido. Com dois filhos pequenos e a baixa autoestima que a consome, ela vê sua vida mudar drasticamente, apesar do desejo de permanecer na zona de conforto.
Bernardo é apaixonado por Clara desde a adolescência. Agora ele tem a chance de conquistá-la e mostrar que os dois devem finalmente ficar juntos. Mas o que parece tão simples, para ele, é complexo demais para ela.
Enquanto Bernardo é preenchido por certezas, o coração de Clara é inundado de receios, traumas e dúvidas.
Como viver o presente quando o passado não deixa você olhar para frente? Será que um coração despedaçado pode recuperar a capacidade de amar?
E o mais importante: como se entregar de corpo e alma quando não se consegue amar nem a si mesma?
Em O descompasso infinito do coração, Bianca Briones mostra que o verdadeiro amor pode resistir ao tempo e a cada obstáculo que a vida lhe impõe. Esta é uma história intensa e comovente de segredos, paixão e amizade. É a última chance de dois corações que cansaram de viver separados. 


segunda-feira, 25 de julho de 2016

Resenha: Através do Espelho (Jostein Gaarder)

Para comemorar o Dia do Escritor (25/07), vamos resenhar?

O livro começa no dia 24 de Dezembro, véspera de Natal. Cecília está doente e não pode sair da cama para ajudar nos preparativos para a Ceia ou para arrumar a árvore e colocar os presentes debaixo dela.
Do seu quarto, no segundo andar, ela pode apenas adivinhar o que está acontecendo na sala. Os cheiros e sons que chegam até ela a ajudam a identificar os acontecimentos.
Cecília está  doente, mas não quer falar sobre sua doença. Ela quer ficar boa para estrear os novos esquis para neve que ganhara.

Nesta mesma noite ela recebe a visita de Ariel. E é com a ajuda dele que Cecília começa a entender algumas coisas e anotá-las no seu caderninho chinês, que guarda debaixo da sua cama.

É uma história suave e doce, que nos faz viajar na cabeça da pequena Cecília e em seus pensamentos.


Sinopse: Do mesmo autor de O mundo de Sofia, essa é a história de Cecília Skotbu, uma menina que vive intensamente. As coisas que vai aprendendo ela anota num caderninho. Ali ela escreveu, por exemplo: "Nós enxergamos tudo num espelho, obscuramente. Às vezes conseguimos espiar através do espelho e ter uma visão de como são as coisas do outro lado. Se conseguíssemos polir mais esse espelho, veríamos muito mais coisas. Porém não enxergaríamos mais a nós mesmos". Cecília passa quase o tempo todo em seu quarto, deitada na cama. Ela está morrendo. Sua história é uma preparação para a morte e por isso é também um mergulho na vida. Ela morre como quem viaja, prestando atenção em tudo. Através de seu olhar profundo, o outro lado do espelho se torna um pouco mais claro para nós.

Autor: Jostein Gaarder é um escritor norueguês de romances filosóficos e contos. Tendo cursado o ensino primário na cidade de Ingierasen, enquanto que a formação secundária realizou na Escola da Catedral de Oslo. Na Universidade de Oslo, Gaarder estudou línguas escandinavas e teologia. Antes de lançar sua carreira de escritor dava aulas de filosofia na Escola Secundária Pública Fana, na cidade de Bergen.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Resenha: A Escolha Perfeita do Coração - Série Batidas Perdidas #1,5 (Bianca Briones)

Já queria escrever a resenha dos próximos livros da Série Batidas Perdidas, mas faltou tempo... rsrsrs

O que posso falar sobre "A Escolha Perfeita do Coração"? Foi o casal que mais me marcou nesta série. Talvez por ser o primeiro casal, ou talvez foi por cada um viver com tantos problemas, mas mesmo assim seguir em frente.
Viviane e Rafael me deixaram com o coração na mão no primeiro livro. Neste livro, pra variar (#sóquenão), também vivemos a montanha russa que é o relacionamento deles. Você irá surtar com cada problema, mas irá até o fim, torcendo por eles.
Eu fiquei torcendo por eles até o ultimo capítulo e não me arrependi.
É uma pena que não posso contar mais sobre que acontece na continuação, sob o risco de soltar algum spoiler para quem não leu o primeiro livro.
Mas te digo que vale a pena ler os dois (os quatro, na verdade - e parece que haverá mais 2 livros para esta série. Teremos que aguardar).



A Escolha Perfeita do Coração (Batidas Perdidas #1,5)
Continuação do sucesso As batidas perdidas do coração Viviane e Rafael enfrentaram uma montanha-russa de emoções em As batidas perdidas do coração, antes de finalmente se entenderem e conseguirem o que tanto queriam: ficar juntos para sempre. Agora, dois anos depois, esse recomeço está longe de ser tranquilo. Os fantasmas de Rafael o assombram, e Viviane, mais uma vez, precisa lutar para mostrar que ele mesmo é seu único inimigo. O que fazer quando a pessoa que você ama é uma força autodestrutiva? Como redimir alguém que não acredita ser digno de redenção? É possível amar a pessoa que mais te magoou? Até onde vale a pena lutar por um amor? Esta é a chance de Rafael e Viviane aprenderem que a mesma pessoa que pode partir seu coração em mil pedaços é capaz de juntar os estilhaços e fazer você se sentir inteiro outra vez.





quarta-feira, 13 de julho de 2016

Resenha: Os Meus Olhos Que Não Eram Os Meus #Livro 01 (Helenah)

Conheci este livro e sua autora Helenah em abril, na Feira de Livros de Joinville 2016. Fui apresentada ao livro por um Booktraile que me encantou.

É a história de Saulo, e começa depois de uma viagem onde ele foi "obrigado" a fazer com a Anna, sua esposa, porém a viagem não acontece com o deveria e um acontecimento terrível acontece.
Com o passar do tempo, você percebe que há uma mudança significativa em Saulo e no final, Helenah nos deixa no suspense para saber o que irá acontecer no próximo livro.
Sim, há continuação do Livro 2 e a previsão de lançamento é para a 24a. Bienal Internacional do Livro de São Paulo (De 26/08 a 04/09/16).


Sinopse: Algumas pessoas levam uma vida inteira buscando o sentido para suas vidas. Há outras que priorizam apenas o aqui e agora, na ânsia pela satisfação plena de seus variados desejos.
Mas o que rege a trajetória de uma existência? As incertezas do futuro ou as consequências das experiências vividas pelas escolhas realizadas? Em meio a estes questionamentos, este livro retrata a história de Saulo Johnson Pierre, um homem poderoso e renomado, que não vê limites para realizar seus desígnios e intentos.
Em contrapartida, o romance e o suspense surgem na figura de Anny, sua companheira, uma mulher essencialmente bela, sensível e que enxerga cada instante, cada experiência como única, de maneira a reverenciar sempre a magnitude do desconhecido, do sublime, do mistério da vida.
Duas personalidades distintas que aproximam e se distanciam no tempo, até que um fato inesperado e imprevisível muda suas vidas para sempre! Fatalidade? Destino? Ou simples acaso? A única certeza que se pode ter é o relato de uma experiência incrível e transformadora! Desvende este segredo e descubra o sentido de “Os Meus Olhos que não eram os meus”.


Romance / Drama / Suspense e Mistério

Biografia: HELENAH nasceu em São Luiz dos Montes Belos, em Goiás, cresceu em Colinas. Cursou Pedagogia na UNIRG, TO. Casou, tem dois filhos, lecionou em escolas do Tocantins até mudar-se para Brasília, acompanhando o marido. Na Capital Federal, especializou-se em Docência do Ensino Superior pelo Centro Universitário Euro-Americano, UNIEURO, trabalhou no Ministério dos Transportes e em outros órgãos públicos, sempre escrevendo, dando vazão à sua alma poética e aos sentimentos líricos. Além de poeta, é também romancista e autora de livros de literatura infanto-juvenil. Sua obra é cativante, prende o leitor adulto ou infantil com o mesmo arrebatamento de suas emoções. (Biografia de Magda Querino -Mestre em Linguística pela UNB)

quarta-feira, 6 de julho de 2016

Resenha: Improvável Equilíbrio (Thati Machado)

Conheci a Thati Machado com um livro que me chamou a atenção pelo nome: Poder Extra G.
Sua linguagem leve fez eu quer ler seus outros livros.

Com o Improvável Equilíbrio, não é diferente. No inicio a gente não acredita muito no casal Lucy e Enzo. Mas quer saber o que irá acontecer. Ele é todo certinho. Ela, ainda não sabe o que quer da vida.

Ela, a principio, mostra-se muito arrogante ao conhecer Enzo. E ele adora provocá-la e, mesmo tenho uma noiva, não consegue deixar de pensar nela.
É um livro de tamanho médio, de leitura rápida e gostosa. Daquelas que você não quer parar por nada!
Ainda mais por se tratar de um daqueles romances fofos.
Este livro está disponível no Amazon (ebook). Outros livros da Thati também estão disponíveis por lá ou no site dela.


Sinopse: Lucy e Enzo são o que podemos chamar de opostos. Quando a jovem mimada, filha de um ilustre empresário, descobre que a família toda está de mudança para uma cidadezinha isolada chamada North Breath, seu mundo inteiro desaba. Apesar das dificuldades que vem enfrentando, Lucinda sabe que é capaz de se reerguer e passar uma borracha no passado. Mas, em uma nova cidade, tudo será diferente do que ela imagina.

Principalmente considerando que o sábio e grandioso destino resolveu colocar um tal de Enzo no seu caminho. Cara simpático, lindo, atencioso, gentil, mas... Comprometido. E ela se lembra muito bem de como é se envolver com os compromissados puladores de cerca. Determinada a não repetir erros do passado, Lucinda Mazzaropi e Enzo Rodríguez se empenharão na árdua tarefa de se manterem afastados. Mas, é como dizem... O que o destino resolveu unir, nada nem ninguém é capaz de separar.

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Andrômeda

Às vezes, uma fração de segundos é o suficiente para mudar vidas.
Um acidente pode mudar o rumo da vida de uma pessoa.
Esta é a história de Rafael Merach, onde uma decisão movida por impulso, fez sua vida tomar um rumo totalmente diferente.

"ANDRÔMEDA - Uma história de Amores, encontros e desencontros". , de JanaSchussler , no Wattpad http://my.w.tt/UiNb/AjeTuN9pKu